Rei do Arroz maior
PROMOVE MAIOR

GREVE DOS COLETIVOS EM JF CAUSA TRANSTORNOS NO TRANSPORTE DE SANDUMONENSES FEITO PELA TRANSUR.

A TVMont foi acompanhar de perto o embarque de passageiros no roleta da Transur em Juiz de Fora e tentar compreender os motivos de tantas reclamações dos passageiros que se deslocam diariamente à cidade vizinha para poderem trabalhar.

Diversas queixas que circularam pela internet com relatos de pessoas que estariam sendo deixadas para trás nos pontos de ônibus na hora de retornar para Santos Dumont chegaram à nossa redação.

Em conversa com passageiros que aguardavam na estação de embarque no centro de Juiz de Fora, os relatos foram consensuais de que, realmente, os ônibus da Transur estavam superlotando por conta do embarque de moradores da Zona Norte, residentes em Juiz de Fora. De acordo com os relatos coletados pela reportagem, estas pessoas estariam utilizando os horários da Transur como alternativa de mobilidade diante da greve do transporte urbano local. Por lei, a empresa Transur tem que limitar o número de passageiros no transporte entre os dois municípios e não há dispositivos legais que permita somente o embarque dos Sandumonenses. Com isso, durante a paralização dos transportes urbano de Juiz de Fora, as viagens dos trabalhadores sandumoneses que retornam diariamente para sua cidade ficou comprometida e diversos passageiros têm tido dificuldade de embarque e, por vezes, são deixados para trás nos pontos de ônibus existentes no trajeto.

A TVMont acompanhou todo o trajeto de um dos ônibus da Transur da cidade de Juiz de Fora a Santos Dumont e, realmente, moradores da zona norte de Juiz de Fora têm utilizado o transporte intermunicipal como alternativa de locomoção durante a paralização do transporte urbano em Juiz de Fora.

Nossa reportagem tentou falar com os responsáveis pela empresa Transur para questiona-los sobre a existência ou não de algum projeto que possa garantir o direito do trabalhador sandumonense de ir e vir à cidade de Juiz de Fora. Fomos informados que Agnaldo seria a pessoa certa para falar sobre o assunto, mas ele não se encontrava na empresa. Deixamos o número do telefone da TVMont para que pudesse nos retornar, mas até o fechamento desta matéria não havia feito o contato conosco.

Deixe um comentário